Buscar
Youtube Instagram

Notícias

26.07.2017 - 17:26

Professores aceitam proposta do governo e greve termina na Rede Estadual de Ensino

A decisão foi tomada pelos delegados dos 74 Simted’s em assembleia geral da Fetems nesta quarta-feira (26)
|
Compartilhe:

A greve dos professores da Rede Estadual de ensino está encerrada. A decisão foi tomada pelos delegados dos 74 Simted’s (Sindicatos Municipais dos Trabalhadores em Educação), que aceitaram, em assembleia geral da Fetems nesta quarta-feira (26), a proposta do governo do estado para cumprimento do Piso 20h (veja no fim da matéria).

A ACP já havia tirado essa posição após a votação dos professores em assembleia geral realizada ontem (25), na sede do sindicato. Durante a assembleia da Fetems, o presidente da ACP, professor Lucílio Nobre, explicou aos colegas de todo Estado, os motivos que levaram os professores de Campo Grande a tomar essa decisão.

“É importante ressaltar que essa proposta não é só do governo; ela é fruto da construção através do diálogo entre a Federação e o governo. Vale lembrar que a proposta do Executivo desde janeiro era reajuste zero. Nós temos vários ingredientes nacionais e locais para continuar essa greve. No entanto, neste momento, nós estamos discutindo o Piso 20h do professor. Essa é a nossa responsabilidade: debater a nossa carreira, nosso piso, nossa valorização. Na ACP, nós analisamos todas as perspectivas e, mesmo tendo a Rede Municipal com um piso cerca de 10% a mais do que o Estado, nós lembramos nossa experiência em 2015, quando fizemos a maior greve da história da REME, sem êxito. É fundamental valorizar a luta e não ser imediatista, afinal, buscamos uma política de valorização profissional. Nós, educadores, não podemos entrar no senso comum, é necessário compreender a conjuntura de 2017 e agir com prudência, sob pena de termos ainda mais prejuízos”, ponderou Lucílio Nobre.


Após a avaliação da proposta feita pelos representantes de três sindicatos favoráveis e três contrários, os professores votaram pela aceitação da repactuação da Lei nº 200/2015. Esse acordo se transformará agora em um novo projeto de lei que será encaminhado para a Assembleia Legislativa. Com o fim da greve, os professores voltam às atividades nas escolas estaduais nesta quinta-feira (27) e os dias paralisados serão repostos, respeitando o calendário escolar.

Proposta aprovada

Tag3 - Desenvolvimento Digital